Facebook Blog - Fiquemforma

Treino em Circuito para Perder Peso

O treino em circuito é bastante motivante, seja apenas para exercícios de força, seja para trabalhar somente o aparelho cardiovascular, seja para a conjugação de ambos. Na Fiquemforma utilizamos este método para desenvolver a resistência muscular e a resistência cardiovascular. Tendo em conta sempre a fisiologia do exercício, exploramos zonas de intensidade altas intercaladas com fases de curta recuperação, o que, como é sabido, é excelente para melhorar o desempenho do coração e pulmões. Em alternativa ao método contínuo, como o caso da corrida, o treino intervalado em circuito é uma alternativa viável. Apesar de serem coisas bastante distintas em termos de estímulo muscular, conseguimos manter uma boa frequência cardíaca média no fim do treino. É bastante interessante saber qual o ritmo médio da frequência cardíaca de cada treino, particularmente quando o objectivo é mudar a capacidade física e reduzir gordura. Para um aluno com a idade de 40 anos, saudável, ter uma frequência cardíaca média abaixo dos 120 batimentos cardíacos por minuto é manifestamente insuficiente. Este é um ponto a que damos destaque e prioridade, visto que é completamente determinante para atingir resultados. Não é motivante treinar e não atingir resultados. Nós damos todas as ferramentas aos nossos alunos para que o possam fazer, inclusivamente neste detalhe tão decisivo, a frequência cardíaca média. Com esta metodologia conseguimos responsabilizar os clientes para que saibam exactamente quantos minutos é que devem treinar por semana e a que intensidade cardíaca para obterem resultados. Pensamos que a responsabilidade do processo deve ser dividida entre o personal trainer e o aluno. É dando indicações precisas, planeando bem os treinos e informando os nossos clientes, mensurando o volume de trabalho semanal, que conseguimos efectivamente chegar aos resultados. Conheça os nossos programas.

// First try loading jQuery from Google's CDN // Fall back to a local copy of jQuery if the CDN fails window.jQuery || document.write('